Casos de dengue já passam de 15 mil em MS

Nesta semana, mais duas pessoas entraram na lista óbitos causados pela dengue em Mato Grosso do Sul durante os três primeiros meses de 2020. O número de infectados com a doença no mesmo período chegou em 15.084. 

Conforme o Boletim Epidemiológico da SES (Secretaria de Estado de Saúde) desta quarta-feira (1º), um morador da cidade de Sidrolândia e outro de Paranaíba passam a fazer parte das estatísticas de vítimas fatais da dengue no Estado. 

As informações disponibilizadas pelo Governo do Estado são de que um homem de 67 anos, morador na cidade de Sidrolândia, morreu no dia 19 de março com quadro clínico agravado por uma hipertensão. 

Já o óbito registrado na cidade de Paranaíba trata-se de uma mulher de 75 anos, com falecimento registrado no dia 23 de março. 

Ela começou a apresentar os sintomas da doença ainda no dia 15 de março. A idosa tinha vários problemas de saúde como diabetes, hipertensão e insuficiência renal. 

Os números de casos e de notificações não param de crescer em todo Mato Grosso do Sul. O número de confirmações de dengue subiu de 13.621 para 15.084 em uma semana. Já as notificações subiram de 36.665 para 40.215 neste mesmo período.

Além das duas cidades mecionadas, as mortes em decorrência da doença em MS ocorreram também em Campo Grande (4), Corumbá (3) e Chapadão do Sul (2).

Já os municípios de Sete Quedas, Cassilândia, Pedro Gomes, Dourados, Nova Andradina, Caarapó, São Gabriel do Oeste, Bodoquena, Mundo Novo e Aquidauana, fecham as estatísticas. 

Dourados News

Ad

Você também pode gostar...