PP tira Bernal do comando e convida Rose para assumir partido

Deputados estaduais do PP tiveram uma reunião nesta semana, com a direção nacional do partido em Brasília, onde eles decidiram confirmar a saída do ex-prefeito Alcides Bernal (PP) do comando da legenda e ainda convidar a deputada federal Rose Modesto (PSSB) para fazer parte da sigla, inclusive assumindo a direção do PP.

A informação foi passada pelo deputado Evander Vendramini (PP), que ainda anunciou que tanto Rose Modesto, como o deputado Luiz Ovando (PSL), devem dar uma resposta ao partido até a próxima semana, se pretendem fazer parte deste grupo político. Caso aceitem a direção regional está à disposição.

Evander explicou que como são deputados federais terão prioridade para assumir o comando regional, mas que se eles negarem o convite, então ele deve ser o presidente estadual provisório, responsável por organizar a legenda para as eleições municipais de 2020, no Mato Grosso do Sul.

Também ficou decidido que o partido terá candidato próprio a prefeitura de Campo Grande, já tendo uma indicação que se Rose aceitar a vinda a legenda, seria a candidata natural do PP, já que tem densidade eleitoral para isto, com boas votações nas últimas eleições.

Já Bernal vai continuar na legenda e não se descarta abrir espaço para que ele seja candidato nos próximos pleitos, no entanto a questão é que o ex-prefeito por enquanto é considerado inelegível pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Ad

Você também pode gostar...